terça-feira, 22 de abril de 2014

Epigrama Inverso



Mas o tempo vai passando, 
A rosa empalidecida,
Sem as pétalas ficando,
Depressa é esquecida.

"Que olor, que boniteza!
Ó frágil dama, parada!
Com toda a tua lindeza,
Pareces ser encantada".

Na nobre vida de rosa,
Tudo é tão perfumado.
A proteção rigorosa;
Espinhos pra todo lado.

Nenhum comentário: