domingo, 2 de março de 2014

Inexplicável


"L’essentiel est invisible pour les yeux."

Exupéry


Eu faria teu arrebol iluminado

E teu amanhecer bem cuidado.
Leria para ti versos infinitos;
Melhor dizendo:
Tentaria prender na nossa existência
Os versos mais bonitos,
Apenas  lendo
A  vida.
Não seria algo planejado,
Mas tu estarias no centro.
Não, não sei explicar isso.

(...)


Até a  ciência

É desprevenida
De conhecimento
Quando se refere ao que está dentro
De um coração cativado.

Nenhum comentário: