domingo, 29 de setembro de 2013

Suporte


Para as coisas tortas deste mundo
Tenho o suporte da imersão;
Do passeio pelo profundo,
Da minha imensidão.
E a essa esquisitice
Eu me rendo, devagar escorrego
E me entrego.
Mergulho num rio plácido de sentimentos,
Onde me desnudo de toda mesmice;
Onde o encanto são vitórias-régias,
Que se transformam em leito,
Em que eu me deito.
Dessa viagem...
Ah , quantos alimentos
Trago na bagagem
De meus pensamentos!

Nenhum comentário: