sexta-feira, 13 de julho de 2012

Amor



Está tudo tão escuro sem ti aqui.
Aconchegar-me em teus braços seria a saída,
A cura para tanta saudade.

Eu não me importaria com nada lá fora.
Sentiria o teu pulsar, e bem aquecida,
Te sentiria real como és, como preciso.

O que me consumiria agora seria o amor.
O sentimento profundo aceso, queimando-me.
A dor seria essa agora, a de sentir-te profundamente.

Meus olhos se fechariam para eu te sentir mais intensamente.
E meu coração, embora tranquilo pela tua presença,
Se agitaria com a intensidade do meu sentimento.

Ter-me envolvida em teus braços,
Acredite, seria tocante de sentir.
Tua presença me acalmaria, me enxugaria as lágrimas.

Eu, dormiria nua, completamente vulnerável...
Então, tu saberias, terias a certeza de que precisa
Que neste sentimento somos eu e tu, apenas um.

Nenhum comentário: